O curso possui alunos provenientes de 18 diferentes órgãos públicos brasileiros e também de oito diferentes países

Teve início, nesta segunda-feira (17), a semana de abertura do Master of Public Policy (MPP). Oferecido pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap) em parceria com o Columbia Global Centers (CGC) da Universidade de Columbia (EUA), o MPP é a primeira especialização internacional em políticas públicas da Escola. 

Em sua fala inicial, o presidente da Enap, Diogo Costa, ressaltou que “a transformação contínua da sociedade, das tecnologias e dos desafios do setor público faz com que seja necessária uma mudança em como o Estado treina seus servidores, na maneira como os líderes exercem sua liderança e na agilidade para oferecer serviços e soluções aos cidadãos”. A Enap tem buscado oferecer cursos de qualidade para suprir essa necessidade, reforçou o presidente.  

O diretor da Columbia Global Centers do Rio de Janeiro, Thomas J. Trebat, frisou que os alunos têm a oportunidade de adquirir conhecimentos necessários para  aprimorar o setor público. “Os desafios para a administração pública estão presentes no mundo inteiro. Desafios que achávamos que já estavam resolvidos, às vezes, não estavam, e novos  obstáculos surgiram com essa pandemia. É necessário que os alunos mostrem que estão empenhados a aprender para ajudar seus países a superar as adversidades”, concluiu.

Por fim, o diretor de Educação Executiva da Enap, Rodrigo Torres, destacou que a Enap precisava oferecer um curso como MPP:  “Estou orgulhoso porque alcançamos nosso objetivo de fazer o programa acontecer. Queremos que a Escola se torne um hub para desenvolver conhecimento internacional, principalmente sobre políticas públicas”.

sryjnzartjTambém participou da abertura, como moderador, o professor da Universidade de Brasília (UnB), Carlos Pio.Durante a aula magna, foi realizada palestra com o tema “Social Value Investing in Brazil”, pelo professor William Eimicke, do Picker Center for Executive Education da Escola de Relações Públicas e Internacionais da Universidade de Columbia (EUA). Além da palestra inaugural, a semana de abertura contará com workshop e atividades em grupo de caráter integrador. 

 

Sobre o MPP

O curso terá a duração de 11 meses e será ministrado em inglês. É a primeira pós-graduação lato sensu oferecida pela Enap exclusivamente nesse idioma. Ao fim da capacitação, o aluno terá o título de especialista em política pública. 

O curso tem um currículo multidisciplinar com enfoque global. A ideia é oferecer em 360 horas-aula um conhecimento teórico e prático sobre administração e políticas públicas.Os alunos irão desenvolver competências como gestão, pensamento estratégico, análise e pesquisa, compromisso com o bem público e articulação de rede.

A parceria com a Universidade de Columbia foi fundamental para definir a estrutura do curso. Das 12 disciplinas obrigatórias, quatro serão oferecidas pela Columbia. Entre elas  estão análise microeconômica, modelos de decisão, direito, economia e políticas públicas, gestão eficaz no serviço público, inovação, liderança, novas tecnologias e desenvolvimento sustentável.

Além da oportunidade de compartilhar experiência com professores estrangeiros e alunos de outros países (também servidores públicos), a participação no Master of Public Policy (MPP) possibilitará aos alunos selecionados ampliar sua rede de contatos.

No total, foram recebidas 298 inscrições, sendo 262 de candidatos brasileiros e 36 de estrangeiros. Foram selecionados alunos provenientes de 18 diferentes órgãos públicos, como Ministério da Economia, Ministério da Saúde, Ancine, EBC, Arquivo Nacional, Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), Tribunal Regional Federal da 4ª região, entre outros. A maioria (57%) possui entre 10 e 15 anos de experiência no serviço público. Dos alunos, 73% já ocuparam uma posição de liderança (DAS 4 e superior). O restante já ocupou cargos ou funções até nível 3. No caso dos estrangeiros, foram selecionados alunos de oito diferentes países: Honduras, Chile, Venezuela, Angola, Timor-Leste, Equador, Guiana e Colômbia.

Palavras-chave:

Conteúdo relacionado

MPP
Conheça os alunos selecionados para o Master of Public Policy (MPP)

Foram aprovados 30 alunos brasileiros e 10 estrangeiros; matrículas devem ser feitas até 10 de dezembro

Publicado em:
05/12/2021
MPP
Selecionados alunos estrangeiros para o Master of Public Policy

Os 27 selecionados na primeira fase concorrem a 10 vagas na especialização

Publicado em:
03/11/2021
MPP
Confira os candidatos brasileiros selecionados na 1ª fase do Master of Public Policy

Quem concorre às vagas reservadas para ações afirmativas passará por banca verificadora

Publicado em:
25/10/2021