Depois de processo seletivo com 531 inscritos, a nova turma vem com 41 participantes

 

 

Começaram nesta segunda-feira (19/10) as aulas da segunda turma do Coding Bootcamp, curso de programação para não programadores voltado para servidores públicos federais de todas as carreiras.

Durante o período de inscrições desta turma a Enap decidiu realizar o curso integralmente na modalidade presencial online (em tempo real).  Foram 531 inscritos, dos quais 258 finalizaram o desafio Ruby (requisito para ingresso) e 237 concluíram o teste de lógica.

Agora a turma tem 41 participantes, localizados em 13 estados brasileiros, integrantes de 18 carreiras da administração pública, oriundos de 15 órgãos.

A primeira turma do Coding Bootcamp se encerrou no dia 3 de setembro, com a apresentação dos projetos finais no Demoday. Assista na íntegra.

 

 

Sobre a imersão

O Coding Bootcamp é um treinamento imersivo, ofertado na modalidade licença-capacitação, com o uso de metodologia testada internacionalmente. Ao final do curso cada participante terá construído um aplicativo do “zero”, desde a concepção, passando pela programação, até a implantação do produto. 

Ao longo de nove semanas, a turma vai desenvolver habilidades para construir softwares robustos, alinhar as necessidades aos objetivos dos usuários e trabalhar com colaboração e ferramentas, aprendendo a usar o workflow adequado. Para orientar os alunos em sua jornada, a Enap conta com a parceria da Le Wagon, escola de programação presente em 38 cidades do mundo. Finalizado o curso, os alunos têm acesso vitalício à plataforma, pela qual podem se manter atualizados e interagir com uma comunidade mundial de programadores.

A habilidade de trabalhar com tecnologias digitais é valiosa para os servidores públicos. Diogo Costa, presidente da Enap, afirma que é visão de futuro da escola preparar pessoas para um mundo cada vez mais tecnológico, onde os códigos ocupam papel central na tomada de decisões e na construção de políticas públicas baseadas em evidências.

Além do conteúdo de programação, a Enap preparou conteúdo em ciência de dados (40 horas) com o professor Alex Pereira e machine learning (80 horas) com o professor Erick Muzart, especialistas em suas áreas, que já atuavam em cursos da escola anteriormente.

Se você ficou interessado no assunto, quer acompanhar a abertura de turmas futuras ou conhecer melhor o programa, acesse https://gov.br/enap/codingbootcamp